Politicas de privacidad SONDA
María Fernanda Bergamo Barbosa

Mulheres que transformam

María Fernanda Bergamo Barbosa

Diretora de Serviços - Divisão de Plataformas

"Nosso desafio como mulheres atuando na TI é nos capacitar cada vez mais e gerar uma mudança de paradigma. Vamos ousar!"

Conversamos com a Diretora de Serviços – Divisão de Plataformas, María Fernanda Bergamo Barbosa, pra conhecer os desafios e saber um pouco mais sobre sua experiência na área de TI, que muitas vezes é liderada por homens.

Informe seu nome completo, cargo e Divisão de atuação

María Fernanda Bergamo Barbosa, Diretora de Serviços – Divisão de Plataformas

Conte-nos sobre sua função principal na SONDA

Sou responsável pelo diretoria de entrega (Delivery) dos projetos vendidos pela Divisão de Plataformas, sejam eles equipamentos ou serviços. Assim, estão sob minha liderança os times de pós vendas de produtos e serviços (gerência de projetos, engenharia e operações).

O que você mais gosta em sua função na SONDA e como você acha que isso contribui para os objetivos da empresa?

A interação diária com nossos clientes é um dos pontos que mais gosto e me motivam. Interagir, ajudar na solução de problemas e colaborar para o crescimento do negócio do cliente, me traz uma sensação de dever cumprido ao final do dia. Essas interações nos permitem compartilhar a qualidade e cultura em nossa vocação de serviços, além de abrir portas para novas vendas, melhoria no relacionamento e fidelização dos clientes.

Qual você acha que é o valor adicional que a visão e o papel feminino trazem para a sua área? Como você faz a diferença?

Todo cuidado e atenção aos pequenos detalhes contribuem significativamente para melhorias de processo, entrega final e relacionamento com o cliente, que, como gestora de Delivery, entendo ser de máxima importância. Acredito que este seja uma dos principais valores da visão feminina na condução de minha área.
Enxergo que, ao estender e compartilhlar com o time esta visão de cuidado e atenção, possibilito não só o crescimento do negócio, mas também o desenvolvimento profissional, um dos principais pilares da minha gestão.

O que você diria a outras mulheres, a título de convite, sobre o desafio de gênero no setor de TI?

Tecnologia da Informação trata-se de um nome dado a uma área ou segmento de mercado e não a um limitador de empregabilidade e crescimento profissional. O desafio para mulheres no setor de TI vem sendo cada vez mais empoderado e uma quebra de paradigmas, por isso permita-se conhecer o novo! O reconhecimento igualitário no mercado de trabalho já é uma realidade, acredite na evolução social constante e esteja sempre aberta a mudanças

Contáctanos